Amor é sentimento?

Amar é conceder. O amor é maturidade e está sempre disposto a agir pelo bem do outro. Em alguns momentos nos pegamos pensando sobre a validade do amor, o quanto ele é importante para nossas vidas. Perceber o amor é para os fortes e sensíveis, que são capazes de perseverar pela busca desse raro “sentimento” sem se privar de serem felizes.

O amor nos cerca a todo instante, ele está ao nosso redor no olhar das pessoas, que estão sempre ao nosso lado incentivando nossas escolhas e nos fortalecendo. O amor é energia que revigora, e não se desfaz, está repleto de respeito pela individualidade do outro, e perceba que individualidade significa que cada um amará de sua forma, pois não há um passo-a-passo, uma norma a ser seguida, exceto desejar o bem, ou melhor, agir pelo bem.

Refina a sua percepção, olhe com atenção para as pessoas e os momentos vividos, repare na forma como ele te toca, e sorri ao ver o seu sorriso, as piadas que são contadas só para te fazer feliz, e a preocupação com você estar ou não se alimentando direito. Amar é uma decisão que vai além de si próprio, pois ele envolve, cresce e nutre a si, assim como o outro, ou outros (não nos esqueçamos que existem diversas formas de amor).

A singularidade do amor nos transforma nos seres mais sublimes e nos eleva para o máximo das relações humanas, onde tudo passa a fazer sentido e as alegrias são compartilhadas.

Neste vídeo falo um pouco mais sobre o amor:


Receba meus textos no seu e-mail

Em alguns momentos nos esquecemos do que realmente importa. Através desta newsletter eu compartilho minhas reflexões, além das novidades sobre meus livros. Ahh! Toda semana um leitor é sorteado e recebe um texto especial. Cadastre seu e-mail para receber também.

3 comentários sobre “Amor é sentimento?

  1. O amor é um dos sentimentos mais falados em toda a história da humanidade, porém nem todos sabem explicar com perfeição esse sentimento que é um misto de sensações, e me arrisco a dizer que existem indivíduos que confundem o seu real significado, ai que me parece estar o pulo do gato, perceber quando é realmente amor e não dependência, carência ou mesmo apego. São sentimentos próximos mas que nos causam reações totalmente diferentes, só digo uma coisa, podemos encontrar o amor nos mais diversos locais, das mais diversas formas, contudo devemos aprender a perceber quando ele nos for apresentado.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s